Desta coisa dos cafezinhos

Tenho a certeza que muita gente levanta o sobrolho com estas partilhas que tenho feito dos cafezinhos.

Lamento, vou continuar a fazê-las até achar que devo. Sem entrar em pormenores que não interessam a ninguém. Mas sim, vou continuar.

Porque preciso. Porque, se não contar ao mundo, sinto que na realidade não existe.

Porque foram precisos estes cafezinhos para me fazer lembrar que, afinal, estou viva. E que mereço mais que o marasmo e falta de entusiasmo por mim mesma dos últimos anos.

Quem acompanhou o blog nos idos de 2003, mas especialmente de 2004, sabe que houve coisas que não foram fáceis para mim de lidar. Coisas essas que me levaram a esse marasmo. Outras tantas, que vieram por arrasto [ou não], levaram-me à falta de entusiamo por mim mesma. Foi preciso que passassem 10 anos, dez, para acordar de novo para a vida. E perceber que, porra, também mereço mais e melhor do que me tenho permitido a mim mesma nos últimos anos, anos esses que foram 10 e só hoje percebi.

Há toda uma vida lá fora. Há tanta gente lá fora. E, ao longo destes anos, que foram dez, houve algum entusiasmo que sempre soube que não passaria nunca disso, apenas entusiasmo. Mas que nunca calhou ser mais que isso. Porquê não sei. Talvez nunca tenha havido aquela coisa que cresce cá dentro que não são borboletas mas que é um bicho qualquer. Porque, e especialmente nos últimos 6 ou 7 anos, eu mesma não me permiti que houvesse. Por tantos motivos que nem eu sei quais. Ou talvez nenhum motivo, e que sei identificar tão bem. Sim, assim mesmo: tantos que não sei quais, nenhum e que sei identificar tão bem.

A culpada disto tudo? Eu. A única responsável. Esqueci-me de mim. Pus-me de parte.

E hoje, hoje percebo e sei e sinto que sim, preciso de mais, mereço mais. Muito mais. Porque não sou menos que ninguém e tenho o direito a ser feliz.

Se estes cafezinhos vão dar em mais alguma coisa, não interessa. Já estou a ganhar. Já deram em acordar-me para a vida e perceber que sim, que preciso de mais, que mereço mais, que sou mais.

E sim, amanhã há novo cafezinho, iniciativa minha, mas já decidido que há também um home made dinner. Iniciativa dele. O que vier daí? Que venha… =)

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.