#day120 out of 365plus1

De novo, a vertigem. A vertigem do salto. Não falar. Não querer falar.

Forçar um rumo quando o que se quer realmente é o oposto. E o oposto não pode, não deve?, ser forçado.

Um dia atrás do outro atrás do um? Sim. Um dia atrás do outro atrás do um. Sempre sem fingir, continuando a fazer de conta.

image

{comentários}