{como assim, 3 anos amanhã?} 

Há 3 anos, a esta hora, o Mundo ainda não era um lugar tão feio e tão estranho. Pois não, Alexandre?

Apesar de tudo, sobrevivemos todos a esse novo Mundo feio e estranho, alguns até nos multiplicámos.

Mas continuas a faltar tu, Alexandre. E há 3 anos, a esta hora, ainda sorrias como só tu sabias.

Não é possível voltarmos a este dia há 3 anos e fechar-te em casa para que não fosses trabalhar, para que não fosses abrir o bar. Para que não perdessemos esse sorriso durante a madrugada.

Continuas a faltar tu, Alexandre. Mas o teu sorriso ficou.

Como assim, 3 anos amanhã…?

{comentários}