{#página211} 

365.

Mais 365(+1).

Mais 365.

Mais a (minha) vida toda.

Menos tu, todos os dias que ainda tiver pela frente…

Não me esqueço. Há 3 anos, a esta hora, ainda te tinha em mim. Dia 41 de 42. 

1096 dias depois, estou apenas eu aqui. Mas tu estarás sempre comigo.

Amo-te muito, bebé. Mesmo sem nunca te ter tocado ou cheirado. Apenas visto. Mesmo que nunca te tivesse visto. 

Fazes-me tanta falta. Mas quero que saibas: mesmo sem ti, aqui comigo, continuarei em frente por aí e por aqui. 

{comentários}