{#página219} 

Distorção cognitiva. Ou quando a realidade aos meus olhos é diferente e alterada. 

Vejo o que sinto. Mesmo que esteja a ver mal. E sinto que em 5 apenas cabem 4. A mais? Estou eu. Por isso vou-me deixando ficar de lado. Inevitavelmente para trás. Porque o esforço não pode partir apenas de um dos lados. O meu. Estou cansada de me esforçar. Talvez a minha presença não seja assim tão necessária. Talvez a minha ausência não seja sequer sentida. 

Talvez. 

{comentários}