{#página295}

“Há forças inexplicáveis”…

Há. E por não se explicarem o melhor é deixar fluir.

O que for, será. O que não for, também.

{comentários}