{#31.335}

“Ar a mais?”

Sim, às vezes é uma questão de ar a mais. E eu rio-me porque acho efectivamente piada a pequenas coisas como esta. Mas rio-me aquele risinho não só de quem achou piada mas também de quem percebeu o tipo de humor e identifica-se com ele. E solto um daqueles risinhos quase infantis e ao canto da boca porque, afinal, foi um ar que me deu.

E depois desconstruo e volto a desconstruir e afinal se calhar há filmes que não passam disso mesmo, filmes, ficção. E há outros pormenores que ainda não são claros mas que para mim fazem cada vez mais sentido.

Mas é tudo uma questão de ar. E se, um dia, o ar me faltar novamente que seja não pelos filmes que faço na minha cabeça mas sim porque é a corrente de ar certa.

É tudo uma questão de ar. A mais. E a forma como me rio. Do ar a mais.

{comentários}