{#269.97}

Todos os dias, mais um bocadinho. De coisas boas, coisas simples. Com mais ou menos dores, todos os dias um bocadinho mais.

Não posso esquecer-me que sou feliz. E fico feliz com pouco. Como quando me chega mais um postal à caixa de correio, por exemplo. Até chegar o próximo aguardo e vou contando coisas pequenas com que me cruzo por aí.

Mas sim, sou feliz com pouco. E sabe bem ser assim.

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.