{#281.85.2019}

Devia dar mais ouvidos aos meus sonhos. Aqueles sonhos que me fazem acordar durante a noite, mesmo que incomodada. Dizem que os sonhos nos trazem mensagens. E o desta noite foi claro quanto à mensagem que me trouxe: voltar aos escuteiros nunca fez parte dos planos, mas se calhar hoje fazia sentido.

E foi também nesse sonho que percebi que passados 29 anos ainda há partidas que mexem cá dentro e que não estão resolvidas.

Mas foi também nesse sonho que senti que, se quiser voltar, não estarei sozinha. Já o sabia, claro. Mas desta vez soube-o de outra forma.

Era giro voltar. Iria fazer-me bem. Mas receio que não tenha a energia ou estaleca necessárias e não quero ser mais uma desilusão.

Enfim… Vou manter-me atenta aos sonhos e a outras mensagens que me tragam. Depois? Depois logo se vê.

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.