{#165.202.2020}

Há dias em que me apetece, muito, perder tempo. Que nunca é realmente perdido por ser tempo gasto em momentos de partilha. Como hoje. Hoje apetece-me, muito, a conversa sem rumo nem obrigação de nada. Apenas a conversa pela conversa. Pela partilha de ideias e momentos. Há quanto tempo não tenho um momento desses?

Nunca é tempo perdido, é tempo investido. Porque dessas conversas sem rumo nem obrigação muitas vezes saem novas ideias ou até mesmo formas diferentes de ver as coisas.

E hoje apetecia-me muito uma dessas conversas sem rumo nem obrigações. Numa qualquer esplanada. Sair. Ver gente. Estar com pessoas que me são algo.

Simplesmente viver um bocadinho.

Estou cansada de não o fazer…

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.