{#280.87.2020}

Sair de casa todos os dias um bocadinho ao final do dia. Para mudar o chip, dizia eu no início. Cada vez me apetece menos, digo eu agora.

Apetece-me dizer que estou bem como estou, mesmo sabendo que esse estar bem é relativo. Não posso, no entanto dizer que estou mal. Porque não estou. Mas queria estar melhor nesse bem que chamo para mim.

E depois continuo com saudades tuas. But it is what it is. Já me devia ter habituado, não devia? Vai ficar assim, aqui, guardado comigo como todos os sonhos que tenho acordada todos os dias.

Um dia, quem sabe? Não sei…mas quem sabe um dia possa dizer que sim, estou realmente bem e que não, já não tenho saudades tuas.

Até lá, continuar a sair todos os dias um bocadinho. Para mudar o chip. Ou simplesmente para criar uma nova rotina nestes novos tempos tão pouco normais e que já se arrastam há mais de 6 meses e não têm previsão para terminar.

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.