{#169.197.2022}

Estou cansada. De me sentir mal. De me sentir triste. De me sentir magoada.

Mas estou ainda mais cansada de me sentir ignorada. Porque estou, de facto, a sê-lo.

Merecia mais do que isso. Nem que fosse apenas por uma questão de respeito pelo que sinto.

Mas cada um sabe de si. E, mais uma vez o digo, quem quer chegar a todo o lado, não chega a lado nenhum. E acaba por (se) perder.

Amanhã? Logo se vê se tento novamente a aproximação. Para ser novamente ignorada, claro.

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.