Daily Archives: 06/08/2022

{#218.148.2022}

Sábado e o trabalho espiritual que é necessário e que eu ando a boicotar…

Não me apetece mexer no que ainda dói. Mas sei que é necessário fazê-lo se quero estar bem. Mas mexer nisso sozinha…não sou capaz. Ainda não…

Retorno matinal. E perceber que o outro lado está muito bem como está. Mixed feelings sobre isso. Se por um lado fico contente que esteja bem, por outro lado também sei o motivo, ou um dos motivos, e isso deixa-me muito apreensiva porque sei o que pode acontecer. Não o verbalizo, mas sim, tenho muito medo que as coisas aconteçam. Porque podem, de facto, acontecer.

Sábado. Dia mais aborrecido da semana. Uma saída à tarde para ver o mar à distância. Porque não me apeteceu estar mais perto dele hoje. Mesmo sabendo que me fazia bem estender a toalha na praia e, até, dar um mergulho. Mas não, hoje não. Para variar, muito cansada. E, na verdade, sem desculpa para não aproveitar melhor o que tenho tão perto.

E a cabeça que se perde e vai sempre, a todo o momento, até lá… Até onde queria estar, com quem queria estar. Mesmo sabendo que ainda não é tempo. Se é que algum dia vai ser.

Desisto por hoje. Mais uma vez digo: não quero pensar. Porque já me basta (e custa) sentir.

Amanhã? Dia de consulta com o terapeuta fofinho antes das férias dele. Dia de pedir ajuda para me aguentar até Setembro sem consulta. Não vai ser fácil. Especialmente por me sentir tão perdida como me sinto agora.

Mas vai correr bem. Vai ter que correr bem. E, se não correr, mesmo de férias sei que se precisar de ajuda basta gritar.

Como vai ser amanhã? Logo se vê. Por hoje chega.