{#248.118.2022}

Um bocadinho cansada. De telefonemas não atendidos sem retorno, de mensagens sem resposta, de ver o meu esforço desvalorizado, de saber que algumas coisas minhas são uma parvoíce, enfim…cansada.

Não faço (nunca fiz) por agradar ninguém. Sempre disse de mim que “what you see is what you get”. Nunca fui fã de maquiagem e por isso mesmo nunca me pintei de cores que não sou.

Mas estou cansada. Cansada de não ser aceite por ser quem sou por pessoas que acham que me conhecem. Ou que simplesmente nunca me deram uma real oportunidade de me dar a conhecer no mundo lá fora como eu gostaria. Se o tivessem feito, quem sabe se algumas coisas não seriam hoje diferentes?


E, por estar cansada, desisti de tentar agradar. Os telefonemas não atendidos sem retorno? Não volto a ligar. As mensagens sem resposta? Não volto a enviar. As coisas que me são importantes mas que para outros são uma parvoíce? Não volto a partilhar. O meu esforço que é desvalorizado? Não volto a comentar.

Não, para mim não está sempre tudo bem. Cada vez mais tenho noção de que são poucas as pessoas que realmente me conhecem. E são poucas, também, aquelas que me dão oportunidade de me dar a conhecer.

Por isso, siga. Não ando cá (nunca andei) para agradar a ninguém. A única pessoa que tenho que agradar sou eu própria. Os outros vêm depois. Mas não aqueles que me acolhem com indiferença, seja pela minha presença ou pela minha ausência. Esses ficam lá no fundo da lista de prioridades. Alguns até já estiveram no topo. Hoje não estão mais.

{comentários}

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.