Daily Archives: 18/05/2023

{#138.228.2023}

Quinta feira e não me lembro do que se passou o dia todo. Aliás, não houve nada a acontecer durante o dia que fosse digno de nota. Acordar cedo, sair de casa para comprar algumas coisas que precisava, ir à esplanada do costume e encontrar a Shara, 8 anos de Rafeiro Alentejano. Um bocadinho de conversa, um café, voltar para casa. Sei que tudo isto aconteceu de manhã, mas não tenho das horas a que aconteceu. O resto do dia? Não se passou rigorosamente nada…

Por um lado, é disto que estou a precisar: dias que não obrigam a grande esforço, seja físico ou mental. Por outro lado, faz-me falta a rotina de sair de casa, de ir trabalhar, de interagir com mais pessoas. Faz-me lembrar os tempos do início da pandemia em que, de repente, me vi obrigada a reajustar os meus dias. Mas aí fui eu e toda a gente. E, apesar dessa realidade estranha, havia trabalho para fazer, ainda que de forma remota. Agora, sei que também há trabalho para fazer e, de facto, sinto-lhe a falta. Mas ainda não me sinto em condições de o enfrentar. Não o trabalho em si, mas o que o envolve…

Ainda tenho algum tempo para recuperar. Ainda tenho algum tempo para mim. Ainda tenho algum tempo para uma mudança de paradigma. Mas, como sempre, baby steps e um dia de cada vez.

Amanhã? Logo se vê como será, como corre essa tentativa de mudança de paradigma. Por agora não quero pensar muito. O friozinho na barriga está cá. E o que tiver que ser…será.

Mas, e não posso esquecer-me!, em primeiro lugar estou eu. Sem pressa e sem pressão. De ninguém. Muito menos minha.